Home
Videos
Edições impressas
Jornais anteriores
Contato
Sobre nós
Lula guerreiro põe o PT em movimento
07 de março de 2016 Artigos
Recomende essa matéria pelo WhatsApp
Foto: Ricardo Stuckert

Penso, que uma das conclusões mais importante a tirar deste episódio, sequestro do Lula na madrugada desta sexta feira, foi a resposta imediata da militância petista e da esquerda. Surpreendentemente este partido tão fragmentado, tão acuado conseguiu, diante deste fato gravíssimo para o País e para a Democracia, se levantar, recompor suas forças e fazer frente às tentativas golpistas dos setores conservadores da oposição, que não desistem do afastamento da presidente Dilma e da desconstrução da imagem de Lula para impedir sua candidatura em 2018!

As forças de esquerda unidas na Frente Brasil Popular, que reúne PCdoB, PCO, UNE, MST,Centrais Sindicais e Movimentos Sociais, tiveram papel importantíssimo para barrar esta tentativa de golpe, que acredito,  não fosse a reação imediata desta força de esquerda, Lula neste momento poderia estar preso em Curitiba e a direita mais articulada para o golpe final contra o governo popular.

Não podemos esquecer que está em curso a preparação das manifestações da direita para o dia 13/03 contra o governo e o PT. E esta provocação da direita, enquadrando o Lula faz parte deste calendário do golpe!

Mas felizmente esta situação, em particular,  teve efeito boomerang. Assim  que noticiaram a prisão de Lula, a direção do Partido imediatamente  convocou a militância que aos poucos foi se concentrando na sede nacional ou ia para o aeroporto. Aí no aeroporto, o barulho feito pelos parlamentares, lideranças políticas e a militância,  obrigou a Polícia Federal e os responsáveis pela operação a recuar na ação e não  estender por muito mais tempo o depoimento de Lula.

Dirigentes sindicais no ABC  mobilizaram suas bases e se concentraram em frente ao prédio residencial do Lula, foi uma grande concentração de pessoas. Aí houve enfrentamento com uns "coxinhas", que acreditavam que o golpe seria consumado. Grandes manifestações a partir da prisão de Lula começaram a pipocar em várias capitais, como Brasília, Porto Alegre, Minas Gerais e Rio de Janeiro.  O balanço realizado pelo Partido é que houve mobilização em mais de mil cidades,  militantes e populares participaram de atos  de solidariedade aos gritos de Lula lá e Não Vai ter Golpe!  A todo momento chegavam notícias entre elas a de  que artistas, intelectuais, e muitos outros setores, se solidarizavam com Lula e o PT!

O Instituto Vox Populi soltou uma pesquisa realizada via internet, cujo resultado mostrou que a maioria  condenou a  ação do juiz Moro contra Lula que foi preso coercitivamente. Neste sentido é muito importante destacar o papel da internet e das redes sociais, principalmente os blogs de esquerda e progressista que a todo momento disparavam informações para ajudar a militância nas mobilizações! Sem estes instrumentos com certeza, as dificuldades de mobilização seriam muito maiores.

Um dos momentos mais importantes e comoventes deste dia, foi o Ato na Quadra dos Bancários em São Paulo, onde se concentrou a militância que por mais de uma hora nem respirava para ouvir cada palavra pronunciada pelo seu líder!  Lula, um tanto abatido até porque seus filhos foram vítimas também ao ter suas casas invadidas pela Polícia, conseguiu serenamente falar com os militantes por mais de uma hora, alternando momentos de risos e choros! Falou de sua trajetória no movimento sindical, os momentos que marcaram sua passagem pela presidência da república, e a sua importância  como representante dos anseios populares. Disse que ele e o povo são uma coisa só e que ele é produto da consciência social! Foi interrompido várias vezes aos gritos de " Lula guerreiro do povo brasileiro"! "Volta Lula", e "Não vai ter golpe, vai ter Luta"

Uma conclusão importante tirada nestes encontros com a direção do PT e com a FBP é a de manter as mobilizações ocupando as ruas pois a direita conservadora não vai recuar nos seus planos golpistas. O Instituto Lula, novamente foi vítima de atentado, assim como a sede do PT de SP e de Minas Gerais. O calendário tirado para este mês já prevê três grandes manifestações em todo o País, no dia Internacional da Mulher 8 de março o Ato será em apoio a Lula, dia 18 grande Ato contra o impeachment da Dilma e dia 31 de março, data do golpe de 64, uma grande Marcha para Brasília em defesa do governo, da Petrobras e em defesa da conquistas sociais e trabalhistas.

Marta C. Rodrigues
Militante do PT
(Nossa correspondente em São Paulo)
5 de março de 2016


 


{Acessos: 323}
Recomende essa matéria pelo WhatsApp


Faça seu Comentário



Comentários
Nenhum comentário para esse conteúdo.
EDITORIAL:

Todo apoio a Lula que não se rende e registra sua candidatura neste 15 de agosto
Somente o povo mobilizado pode dar impulso à paralisia das instituições democráticas. Não só Lula Livre, mas Lula Presidente, requer um verdadeiro levante popular com ampla difusão nas TVs e rádios comunitárias, estendendo uma verdadeira Rede da Legalidade. Todos a Brasília, no dia 15 de agosto!
Receba nossa newsletter

Videos recentes
Suplementos Especiais
Links Recomendados
Matérias recentes
Noticias recentes
Batalhas de Ideias
Comunicação
Ganma Hispan TV Press TV Russia Today TeleSUR
Palavras-chave
J. Posadas - Obras publicadas
Leituras sugeridas
A FUNÇÃO HISTÓRICA DAS INTERNACIONAIS Del Nacionalismo Revolucionario al Socialismo Iran - El proceso permanente de la revolucion Iran - El proceso permanente de la revolucion La musica, El Canto, La Lucha Por el Socialismo
Desenvolvido por Mosaic Web
Recomendar essa matéria: